Em Limeira, Paulo Skaf afirma: “juro alto é igual a desemprego” - CIESP

Em Limeira, Paulo Skaf afirma: “juro alto é igual a desemprego”

Durante a Ação Global Regional, realizada neste sábado (21), no Centro Municipal de Eventos de Limeira, o presidente do Centro e da Federação das Indústrias do Estado de São Paulo (Ciesp/Fiesp), Paulo Skaf, afirmou que “juro alto é igual a desemprego” ao falar para a imprensa da região de Limeira sobre a necessidade de redução da taxa Selic – “a segunda mais alta do mundo”.

Skaf disse também que queria ser otimista – “mas temos que ser realistas para tomarmos medidas e não apenas ficarmos acreditando que as coisas vão melhorar”, para ele, a economia nos EUA, nos principais países da Europa e Japão, deverá ter o PIB de 2009 fortemente reduzido e ficar entre 2 e 2,5% negativos, a China crescerá pouco mais de 5%, enquanto que o Brasil ficará entre zero e menos 0,5%.

Reafirmando que os juros têm que baixar, Paulo Skaf destacou que hoje a taxa Selic está no mesmo nível que em junho de 2008, quando estávamos no auge do crescimento do país. “Temos que reduzi-la ainda mais”.

“Quando lutamos pelaextinção da CPMF o governo dizia que os programas sociais iriam acabar, que a saúde iria sofrer com a falta de recursos, e o que aconteceu? A arrecadação do governo aumentou duas CPMFs, e toda a sociedade brasileira foi beneficiada.” – reafirmou Skaf.

O prefeito de Limeira, Silvio Felix da Silva, que participou da entrevista coletiva do presidente Paulo Skaf, disse aos jornalistas: “Skaf começou a combater a crise mesmo antes que ela começasse, ao lutar contra a prorrogação da CPMF”, para ele este imposto onerava ainda mais o trabalhador e o setor produtivo brasileiro.

A Ação Global Regional é uma promoção do Sesi-SP e a EPTV Campinas, com o apoio da prefeitura local, tem caráter social, e oferece atendimentos gratuitos nas áreas de educação, saúde, meio ambiente, cultura, alimentação, esporte e lazer, além de serviços de cidadania e inclusão social.

O objetivo é utilizar a informação e a mobilização social como estratégia de inclusão e resgate da cidadania. Com o apoio de mais de mil voluntários, foram atendidas mais de 12 mil pessoas.

Djalma Lima, Agência Ciesp de Notícias