Ciesp lança campanha para criar Poupa Tempo do Comércio Exterior de Santos - CIESP

Ciesp lança campanha para criar Poupa Tempo do Comércio Exterior de Santos

 

 
A Diretoria Regional do Ciesp santista lança hoje uma campanha pela criação do Poupa Tempo do Comércio Exterior de Santos. O objetivo é agregar lideranças locais para pressionar o poder público a fazer com que os diversos reguladores das transações comerciais externas do país, como Receita Federal e a Anvisa, assumam o compromisso de facilitar o trâmite aduaneiro.
 
“Mudanças de comportamento deverão ser induzidas e coordenadas, com participações efetivas de toda a sociedade. Assim, a idéia é garantir o comprometimento de todos com resultados, mesmo que através de uma aproximação virtual e não necessariamente um posto físico.”, explica o diretor titular do Ciesp Santos, Ronaldo de Souza Forte.
 
A regional pretende mobilizar outras entidades e empresas envolvidas nos trâmites de importação e exportação do complexo portuário santista. A Petrobrás e a Companhia Docas do Estado de São Paulo (Codesp) já manifestaram apoio ao movimento, que a partir de hoje disponibiliza ficha eletrônica de adesão no site www.ciespsantos.com.br.
 
Dinamismo
O Ciesp Santos prevê que a articulação entre os operadores públicos e privados centralizados deve otimizar os procedimentos aduaneiros e facilitar a resolução de problemas que impedem o Brasil de aumentar sua participação no comércio global – em 2007, o país negociou US$ 160 bilhões (1,18%) do volume mundial. Com isso, espera-se que o país se torne mais dinâmico diante da concorrência internacional. “Nosso interesse é mostrar que a competitividade afeta diretamente as exportações do Brasil”, afirma Forte.
 
A proposta da regional é instalar no litoral paulista um sistema similar ao Centro de Logística de Exportação (Celex) – criado em 2004 por meio de parceria entre governo do estado e iniciativa privada para fomentar as exportações nacionais, principalmente, de micro, pequenas e médias empresas. Em seu “poupa tempo de exportação”, o Celex reúne reguladores envolvidos na atividade de comercialização internacional, oferece apoio logístico, informações, orientações e divulga empresas no mercado externo.
 
Para Forte, o Celex está distante do maior centro exportador do país. Segundo ele, o complexo portuário santista é responsável por cerca de 30% de todas as transações externas do Brasil. Porém, o Centro de Logística está instalado no Km 1,5 da Rodovia dos Imigrantes, ainda no município de São Paulo.

Foto: Marinha do Brasil
 

Agência Ciesp de Notícias
Nivaldo Souza
11/07/2008