Argentina precisa recuperar equilíbrio fiscal para sair da crise, afirma Lavagna - CIESP

Argentina precisa recuperar equilíbrio fiscal para sair da crise, afirma Lavagna

Para se recuperar do impacto da crise financeira, a Argentina precisa incentivar investimentos, criar mecanismos de recuperação social e combater a inflação para impulsionar o superávit primário.







Foto: Mário Castello

LAVAGNA – Argentina precisa reduzir inflação e ampliar reservas para se proteger de futuras crises


O receituário foi recomendado pelo ex-ministro da economia do vizinho sul-americano, Roberto Lavagna, durante o Congresso da Indústria, que Fiesp e Ciesp realizam, nesta segunda-feira (28), em São Paulo.


“Um dos esforços que o governo deve fazer no ano que vem é recuperar o equilíbrio fiscal”, sugeriu Lavagna, ao se referir a taxa de inflação argentina, hoje cerca de 15%. Ele estima que o Produto Interno Bruto (PIB) da Argentina recue entre 2,5% e 3% este ano. Para 2010, o ex-ministro calcula crescimento zero.


“Umas das chaves para sair da crise é usar o superávit fiscal, como, por exemplo, fez o Chile. A Argentina gastou seu superávit fiscal entre 2006 e 2008. Quando chegou a crise, o país não tinha recursos suficientes nem capacidade de levantar-se”, criticou.


Nivaldo Souza, Agência Ciesp de Notícias